13 passos essenciais para a execução de um orçamento anual para sua escola

13 passos essenciais para a execução de um orçamento anual para sua escola

Para que uma instituição de ensino destaque-se dentre as demais, ela precisa ter as seguintes qualidades:

  • Apresentar uma equipe de professores e demais colaboradores competentes e motivados;
  • Ter aulas de qualidade;
  • Possuir todos os recursos e/ou materiais necessários para as aulas e atividades;
  • Dispor de instrumentos pedagógicos específicos para auxiliar os alunos com necessidades especiais ou dificuldades de aprendizagem;
  • Manter um ambiente saudável e higienizado;
  • Possuir uma infraestrutura acessível e adequada para todas as atividades escolares e todos os estudantes.

Para que todo esse processo possa fluir bem, é fundamental que a instituição escolar tenha um planejamento financeiro anual, a fim de evitar imprevistos indesejáveis.

Por meio dos passos abaixo, você aprenderá a fazer o orçamento anual de sua escola, e planejar-se com antecedência e tranquilidade durante o todo o ano letivo.

1. Avalie o salário de seus colaboradores

Inclua em seu orçamento o salário de todas as posições administrativas e os funcionários da área pedagógica. Não se esqueça de incluir os porteiros, as merendeiras, os inspetores, etc. Adicione também os custos de seguro, assistência médica e outros benefícios, se for o caso.

2. Adicione os colaboradores extras

A maioria das escolas contrata trabalhadores extras, para eventos, cortar a grama, pintar as paredes, etc. Certifique-se de incluir o pagamento dessas pessoas no orçamento.

3. Verifique os custos de manutenção

Agora pense no aspecto físico de seu colégio. Avalie todos os custos anuais para consertos e também os custos de manutenção diários. Aqui podem ser incluídos itens como reparos elétricos, de encanação e pintura das quadras, estacionamento, piso e telhados.

4. Considere seus suprimentos

Acrescente ao orçamento itens como papel higiênico, toalhas de papel, produtos de limpeza, lâmpadas, baldes, vassouras e rodos. Aqui também entram materiais como canetas, lápis, borrachas, papel sulfite e toda sorte de formulários que uma escola utiliza.

5. Adicione o custo de aparelhos e maquinários

Computadores necessitam constantemente de reparos e atualizações. Outros itens incluídos neste tópico são os retroprojetores, máquinas de xerox. Acrescente também aparelhos que precisam ser trocados ou consertados anualmente, como lousas, armários, carteiras etc.

6. Inclua em seu orçamento os equipamentos esportivos

Cestas de basquete, traves e bolas de futebol, tabuleiros de jogos também precisam ser levados em consideração.

7. Decida sobre os projetos escolares para o ano letivo

Ao escolher os projetos anuais, leve em consideração os gastos que terá com todos os eventos. Isso inclui horas dos professores e demais funcionários, materiais descartáveis, itens de papelaria que serão utilizados nas decorações, salário do corpo docente no caso de ensaios – como apresentações para os pais, por exemplo. Decida também a respeito dos passeios e excursões escolares e anexe em seu orçamento anual as eventuais despesas que terá com salários, alimentação, transporte, entre outros.

8. Cheque seu orçamento anual anterior

Verifique seu orçamento prévio, caso você tenha. Ele poderá ser de grande valia. Você poderá usá-lo como parâmetro para redigir seu novo planejamento financeiro.

9. Subdivida seu orçamento

Após a elaboração de suas previsões de gastos, é possível subdividi-las em meses, o que tornará seu controle mais fácil.

10. Diferencie o que você quer do que você precisa

Saber diferenciar entre o querer e o necessitar é essencial, principalmente se o orçamento estiver apertado. Primeiro vem as necessidades e, caso sobre dinheiro, as vontades.

11. Faça com que uma poupança seja considerada como despesa

Considere separar um valor de no mínimo 10% de seu faturamento para ser guardado em uma poupança. Faça desta regra uma constante. Isso pode ser muito útil em um eventual imprevisto, como fundo de caixa.

12.  Anote todas as despesas

Pague preferencialmente suas pequenas contas em dinheiro e anote absolutamente tudo o que recebe e o que gasta. Ter um livro caixa transparente é o primeiro passo para compreender a situação financeira de seu estabelecimento.

13. Mantenha sua documentação organizada

Seus recibos e notas fiscais devem estar criteriosamente organizados, por tipos e datas. Desse modo será mais fácil para você fazer as previsões para o ano seguinte.

Com um orçamento bem elaborado, você poderá desenvolver projetos importantes para sua instituição, e também dar prêmios de incentivo para os funcionários que fazem a diferença, dedicando-se ao máximo em sua escola.

Comece já a adquirir este hábito de planejar seu orçamento anual e não seja pego desprevenido!

Comentários (1)

  • Maria Lucia Santana

    |

    gostei da sua orientação tem grande valor vou seguir os seus conselhos
    obrigada

    Reply

Deixe um comentário

ADICIONE SEU EMAIL
Junte-se ao grupo de pessoas que recebem nossos emails.

Share This