Por que motivar os professores da sua escola?

Por que motivar os professores da sua escola?

Dentro do ambiente escolar, o professor exerce um papel fundamental. Cabe a ele ser o elo de ligação entre os alunos e a escola. Praticamente todo o relacionamento existente entre estas duas esferas é feito por meio da figura do professor. Por esse motivo, é importante motivar os professores tanto dentro quanto fora do ambiente escolar.

Sua vontade de ensinar precisa ser alimentada por meio de incentivos e reconhecimento pois o reflexo desta motivação é sentido por todos na escola — dos alunos à organização como um todo.

Por que motivar os professores em sua escola? Confira o post completo logo abaixo:

Motivar os professores impacta positivamente em toda a escola

O fato dos professores estarem na linha de frente de contato com os alunos os faz representantes da escola. Eles são o reflexo de tudo o que a organização escolar prega internamente e externamente.

Dessa forma, quando um professor é motivado pela organização, ele tende a impactar positivamente em todas as áreas da escola — dos alunos à coordenação, do método de ensino à forma como a escola está introduzida no contexto da sociedade onde atua.

Melhora na forma de desenvolver o trabalho

Um dos primeiros ganhos para o professor, em relação a motivação, está na melhora de sua forma na hora de desenvolver o trabalho. Motivado, o professor tende a buscar novas técnicas de ensino, mantém-se atualizado sobre os acontecimentos da sociedade e exerce constantemente uma relação entre a atualidade e o conteúdo ministrado em sala de aula.

Isso estimula os alunos a serem mais críticos e relacionarem o conhecimento adquirido em sala com os fatos que estão estampados nos jornais ou presentes em suas vidas.

O avanço da presença da tecnologia em nossas vidas fez com que tivéssemos acesso a um mundo sem dimensões em que, por meio de alguns cliques, vamos de um mapa de satélite a um canal de vídeos. Para os alunos, a tecnologia nem sempre é assimilada como algo útil e frequente dentro da sala de aula.

Professores motivados buscam solucionar esta situação, mesclando o conhecimento e a forma com o qual ele é repassado aos alunos — neste caso, com ajuda da tecnologia. Por que os alunos não poderiam usar seus smartphones em prol do conhecimento? O professor motivado é criativo e consegue ensinar independentemente do canal.

Ganhos na produtividade

A melhora nas técnicas de ensino e na forma de desenvolver seu trabalho faz com que o professor motivado tenha um ganho expressivo em sua produtividade. Profissionais que são produtivos por reflexo do prazer que sentem suas profissões acabam adquirindo automotivação. Eles querem sempre mais, recuperando a paixão que lá no passado o fizeram escolher por uma das profissões mais bonitas que existem: ser professor.

Os ganhos na produtividade permitem que o professor se torne mais competitivo no mercado de trabalho e tenha acesso a um salário mais justo, que supra suas necessidades financeiras. É muito comum que os professores sintam a necessidade de atuar em mais de uma organização escolar, visando o complemento de sua renda.

Motivado e com uma produtividade cada vez maior, a própria escola vai sentir a necessidade de ter esse profissional por perto, o máximo de tempo possível. Caso seja uma opção do professor continuar dividindo sua carga horária disponível em mais de uma escola, sua alta produtividade e seus métodos atualizados de ensino o farão trabalhar mais, mantendo a alta qualidade do seu ensino.

O reflexo do bom trabalho nos alunos

Além da própria escola, quem mais ganha com um professor sempre atualizado e muito produtivo? Os alunos, obviamente. Crianças e adolescentes reconhecem os professores que se sentem motivados e estão em sala de aula para dividir conhecimento — ao invés de impor um “decoreba”. Suas disciplinas costumam ter as aulas mais concorridas, em que o conhecimento é absorvido com mais rapidez e os alunos interagem mais.

Alunos que aprendem verdadeiramente, ao invés de decorar os conhecimentos apenas para as avaliações, provocam um impacto positivo em diversas esferas que estão ao seu redor. Dentro do ambiente escolar, os alunos rendem mais.

Os índices de recuperação ou reprovação diminuem, permitindo que professores, monitores e demais profissionais se dediquem ao ensino de novos conhecimentos — ao invés de manter um esforço contínuo visando apenas o reparo de conhecimentos que não foram assimilados corretamente pelos alunos ou bem administrados em sala de aula.

Alunos bem preparados em sala de aula conseguem ser mais atuantes na sociedade, buscando soluções para os problemas que estão próximos às suas realidades. O desempenho, como um todo, melhora.

O ambiente de trabalho fica mais leve e colaborativo

Os benefícios citados acima, que são obtidos quando temos um professor motivado profissionalmente, tornam o ambiente de trabalho mais leve e colaborativo. Muitas disciplinas possuem relações diretas, porém nem sempre os seus professores estão dispostos ou sabem como fazer isso em sala de aula.

Lembra da melhora nas técnicas de ensino? A motivação faz com que os professores busquem, naturalmente, formas diferentes de relacionar disciplinas. Ao invés de uma aula de história sobre a exploração do ouro na época colonial e outra aula de geografia falando sobre os minerais encontrados em nosso país, não seria mais interessante fazer uma aula diferente reunindo os dois professores para discutir os temas com os alunos?

O papel fundamental do coordenador pedagógico

Até aqui falamos dos benefícios que os alunos, a escola e a sociedade ganham com os professores motivados. A pergunta, agora, é: como fazer isso? O coordenador pedagógico de uma escola tem um papel fundamental dentro deste contexto apresentado. É esse profissional que deve desenvolver um programa motivacional para o corpo docente da escola.

O trabalho desenvolvido pelo coordenador pedagógico deve ser contínuo, permitindo que os professores estejam sempre dispostos a ensinar, preocupando-se verdadeiramente com o aprendizado dos alunos, entendendo suas necessidades e buscando meios diferentes e eficazes para que eles aprendam cada vez mais.

Por esse motivo, motivar os professores faz toda a diferença no ambiente escolar. O trabalho da escola passa a ser desenvolvido com mais eficácia, favorecendo um ambiente colaborativo, democrático, participativo e motivador para todos.

O comportamento dos professores, alunos, pais e demais membros da comunidade escolar mudou. Suas necessidades não são mais as mesmas, impactando na forma como a escola de posiciona diante da sociedade. Por isso, a grande importância de motivar os professores. Sua instituição está preparada para ser uma escola do futuro? Clique aqui e continue a leitura.

Deixe um comentário

ADICIONE SEU EMAIL
Junte-se ao grupo de pessoas que recebem nossos emails.

Share This